Sobre o GDE+5

A iniciativa GDE+5 é fruto da parceria entre a Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM/PR) e o
Centro Latino-Americano em Sexualidade e Direitos Humanos (CLAM), seu principal objetivo é avaliar o Curso Gênero e Diversidade na Escola (GDE), após cinco anos de sua implementação. A ideia central é apontar elementos que venham subsidiar o aprimoramento da política pública de educação para a diversidade de gênero, sexualidade e relações étnico-raciais.

O GDE teve início em 2006, através de um projeto piloto para 1200 profissionais de educação de seis municípios: Dourados (MS), Maringá (PR), Niterói e Nova Iguaçu (RJ), Porto Velho (RO) e Salvador (BA). Após a avaliação positiva desta experiência, ele passou a compor a grade de cursos da Universidade Aberta do Brasil (UAB) sendo oferecido pelas universidades públicas que participam da Rede de Educação para a Diversidade (REDE).

O grande interesse pelo assunto, o tratamento transversal e articulado das temáticas e a metodologia inovadora, resultaram na mobilização de mais de 40 mil profissionais de educação nas diversas regiões do país até o ano de 2011.

Com intuito de seguir no aprimoramento dessa política pública é fundamental avaliar os frutos oriundos desse processo de formação, observando os reflexos no âmbito das escolas. Entre as mais de 38 universidades que ofertaram o curso, foram selecionadas 10 universidades ofertantes do GDE (FURG, UEMA, UERJ, UFES, UFMS, UFPA, UFPB, UFPI, UnB e UNESP) atendendo a critérios de regionalidade e esfera de atuação estadual e federal.

Desta maneira o governo brasileiro terá insumos para rever e reorientar a oferta desta política de formação com vistas a promoção de uma cultura de respeito à igualdade e à diversidade.

Área restrita



CLAM/IMS/UERJ - R. São Francisco Xavier, 524, 6º Andar, BL. E - 20550-013 - Rio de Janeiro - RJ - Brasil - Tel.: (21) 2568-0599